Life Coaching

O que é?

Há diversas teorias sobre a origem do termo coach no contexto do desenvolvimento de pessoas, mas, em algum lugar da história, ele compartilha um ancestral comum com o verbo em inglês coax, que significa persuadir. O profissional de coaching atua como um estimulador externo que desperta o potencial interno de outras pessoas, usando uma combinação de flexibilidade, insight, perseverança, estratégias, ferramentas pautadas em uma metodologia de eficácia comprovada e, então, o Coach (Profissional) acompanha seu Coachee (Cliente), demonstrando interesse genuíno (às vezes chamado de carisma) para apoiar os seus clientes de Coaching (Coachees) a acessar seus recursos internos e externos e, com isso, melhorar seu desempenho.

Além dessa definição, há outras interpretações sobre a função, o comportamento e as características de um coach. Dependendo das circunstâncias, é possível que o coach precise adotar estilos muito diferentes a fim de atender às necessidades de seus coachees. Entre os fatores que podem influenciar na abordagem de coaching estão a complexidade da meta, os riscos de erro na realização da tarefa, o nível inicial de disponibilidade para o coaching por partes dos integrantes da equipe, sua autoconfiança e capacitação para a tarefa e o nível de maturidade para a aprendizagem demonstrado pelo coachee (até que ponto ele se mostra capaz de cogerenciar o processo de coaching).

Coaching é um processo com foco 100% em solução, visa apoiar a pessoa que busca um desenvolvimento seja, com foco pessoal ou profissional. Sulivan França Presidente da Sociedade Latino Americana de Coaching.

O processo de coaching busca aprimorar o desempenho das pessoas e sua capacidade de aprender. Implica fornecer feedback, mas também usa outras técnicas, como motivação, questionamentos eficazes e a adequação do estilo de gerenciamento do coach à prontidão dos coachees para dedicaram-se a uma determinada tarefa. Esse processo baseia-se em ajudar o coachee e se ajudar por meio de uma interação dinâmica o coaching não depende de só uma pessoa que diz o que ou como fazer e que dá as instruções. Max Landsberg.

Destrava o potencial da pessoa para maximizar o próprio desempenho, ajudando-a a aprender em vez de ensinar-lhe alguma coisa. Sir Jonh Whitmore.

Desenvolve as habilidades e o conhecimento de uma pessoa para que melhore seu desempenho profissional, a fim de que sejam alcançados os objetivos da organização. Tem como propósito efetivar um alto nível de atuação e progresso no trabalho, embora também possa ser impactado na vida privada do indivíduo. Geralmente tem curta duração e focaliza habilidades e metas específicas. Marian Thier.

Para maiores informações acesse o site http://www.slacoaching.com.br